COMO SE ELEGE UM VEREADOR ?

Imagem extraída do site: http://www.albinoflores.com.br/

Outubro está chegando! E como todos sabem, nesse ano temos eleição pra prefeito, vice e vereadores. Nas últimas eleições Rolândia sempre manteve um número acima de 100 postulantes a câmara municipal. Em 2012 não será diferente!

É certo que desses cem ou mais candidatos, talvez 20 ou 30 deles sai candidato com vistas a se eleger de fato. Os demais são candidatos para ajudar o partido, ou garantir uma "boquinha" caso o seu candidato a prefeito vença.

Condições desiguais de disputa

É sabido por todos que a eleição de vereador não é fácil. Enquanto alguns candidatos disputam sem dinheiro e baseado apenas em propostas, outros usam e abusam do fator econômico. Buscam angariar votos e "simpatizantes" mediante a negociação de beneses pré e pós eleição. Alguns candidatos gastam horrores com "cabos-eleitorais" para trabalhar no dia da eleição, mesmo que não sejam vistos nas ruas no dia da eleição ou antes disso.
Outros candidatos "conquistam votos" na calda da noite, com cestas básicas e outros "favorezinhos".

Entenda como funciona a eleição de um vereador

Cada partido pode lança uma chapa de até 15 candidatos a vereador. Se houver a coligação de dois ou mais partidos, esse número pode chegar a 20.
Divide-se a quantidade eleitores votantes pelo número de cadeiras. No caso de Rolândia, divide-se os cerca de 38.000 eleitores participantes do pleito pelo número de vagas na câmara que são 10 cadeiras!
Temos então o "quociente eleitoral". Dessa maneira, para que um partido ou coligação faça pelo menos um vereador, é necessário que atinja, somando os votos de seus candidatos, 3.800 votos.

Exemplo:

O partido PPP lança 15 candidatos a vereador. Esses 15 somando os seus votos chegam a 3.800
Logo, o partido faz 01 cadeira na câmara, sendo o mais votado desse grupo o eleito!

  1. Chico Bananeira              200 votos
  2. Pedrinho do São Jorge        200 votos
  3. Maria Pisca-pisca            200 votos
  4. Zé do Rancho                 200 votos
  5. Pedro Barbacena              200 votos
  6. Luizinho Boiadeiro           200 votos
  7. Silvia Borba                 200 votos
  8. Nelsun                       200 votos
  9. Terezinha Piscor             200 votos
  10. Antoni da Borracharia        200 votos
  11. Marcela Nuzzy                333 vottos
  12. Caio Servio                  333 vottos
  13. Tonha da Merenda             333 vottos
  14. Rosa Margarida               333 vottos
  15. Santinho Furtadu             468 votos  (eleito)
Lógico que utilizei uma maneira simples para explicar. Há outras situações que implicam uma eleição de vereador. Mas a "grosso modo" é mais ou menos isso aí!


Proxima
« Anterior
Anterior
Próximo Post »
1 Comentario
avatar

se o povo de rolandia nao acordar desse pesadelo. nunca ira eleger pessoas serias complometidas com a sociedade

Balas